Durante a ação uma boate foi interditada, uma festa desmobilizada, um quiosque foi notificado e um evento do tipo "Isoporzinho" encerrado

A força-tarefa criada para fiscalizar o cumprimento do decreto com medidas de prevenção e combate à Covid-19 registra um fim de semana com diversas ações. Entre a noite de sábado e a manhã deste domingo, uma boate foi interditada e um suspeito de organizar festas clandestinas durante a pandemia foi levado para a delegacia, entre outros casos.
A boate interditada fica no bairro Aterrado e já havia sido alvo da fiscalização em outras ocasiões. Apesar de ter afirmado que funcionaria apenas como bar, na noite deste sábado a fiscalização constatou aglomerações e caráter de boate no evento que acontecia. Com isso, o local foi fechado e será multado.
Na manhã deste domingo, a Guarda Municipal foi até um sítio, localizado na estrada da Fundação Beatriz Gama, e desmobilizou uma festa com música eletrônica que acontecia no local. O organizador foi levado para a delegacia da Polícia Civil e foi constatado que em outras ocasiões ele já havia sido notificado pelo mesmo motivo.

Isoporzinho e quiosque


No bairro Sessenta, um quiosque foi notificado sobre a proibição de eventos e aglomeração na praça pública, em função de um evento que estava programado para este domingo. Desta forma, a equipe de fiscalização conseguiu atuar em caráter preventivo.
Em outra ação, um evento do tipo "Isoporzinho" ocorria no bairro Vila Rica/Casa de Pedra. Com roda de samba e aglomeração, a festa foi encerrada com a chegada da Força Tarefa no local, e os frequentadores dispersados.

Foto: Divulgação/PMVR