Autarquia criou novo espaço para atender com mais conforto e privacidade

O serviço de Assistência Social oferecido pelo Saae-VR (Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Volta Redonda) aos funcionários ganhou novo espaço de atendimento. Oferecendo mais conforto e privacidade, a nova sala localizada no térreo da autarquia foi reformada em curto espaço de tempo pela atual gestão, segundo o diretor-presidente Paulo Cesar de Souza, o PC do Saae.

“Foi a primeira coisa que a equipe da supervisão de Assistência Social me pediu quando cheguei aqui. Eu já recebi essa demanda e saímos para resolver. Hoje já é uma realidade. Organizamos o espaço, está bem arrumado, com ar condicionado, móveis novos, para que a pessoa entre ali e sinta a mudança de ambiente”, explicou PC.

Antes da obra, o atendimento era realizado em uma sala com portas de vidro e oferecia pouca privacidade no segundo andar da autarquia. O novo espaço conta com uma antessala e fica em local estratégico para um atendimento reservado. A supervisora da Assistência Social, Lenice Magalhães, explicou que a mudança melhorou em todos os sentidos o serviço realizado pelo setor.

“Principalmente no acolhimento do funcionário, que nosso maior objetivo. Melhorou na forma de trabalhar, de atender, de o funcionário se sentir mais seguro, além de melhorar nossa motivação de trabalho também”, afirmou Lenice.

Quem aprovou a novidade foi o coordenador do Centro Integrado de Água e Esgoto, Luiz Carlos Gama, que trabalha no Saae há quase 34 anos. “Gostei muito da sala, bem melhor do que onde estava. Lá, além de ser menor, tinha porta de vidro, todo mundo via. Agora ficou mais particular”.

O serviço de Assistência Social do Saae-VR atende diversos tipos de demandas dos funcionários, atuando com orientação, conscientização, tratando de questões relacionadas a direitos trabalhistas, previdência, direito a folga e licença, encaminhamentos de atestados médicos, acolhimento na questão de saúde mental, questões interpessoais, entre outras.

“É importante sinalizar que nós aqui somos uma equipe. Estamos aqui para ouvir e acolher. Mostrar para o funcionário que ele é alguém que tem voz, pode ser acolhido. Temos todo um cuidado de ouvir bem, tratá-lo bem, receber com atenção, carinho e empatia”, frisou a assistente social Fernanda Pereira da Silva.

Segundo Fernanda, além de melhorar o trabalho da equipe e o atendimento do funcionário, a criação do novo espaço com mais privacidade e conforto atende uma questão técnica profissional.

“Temos resoluções que dizem respeito sobre as condições de atendimento, de trabalho. É um cumprimento legal também. Uma resolução profissional para favorecer o despenho profissional”, explicou Fernanda, citando que o novo espaço está aberto aos funcionários para atendê-los em melhores condições.

Para o PC do Saae, esse espaço representa uma aproximação do funcionário com a empresa. “É uma preocupação nossa ter esse canal que vai ouvir o funcionário com todos os seus anseios, suas preocupações. E dar uma assistência adequada para esse funcionário. Ele tem que se sentir amparado”.

Foto: Geraldo Gonçalves/PMVR