Homem conduzia caminhão e foi detido por guardas municipais próximo ao acesso à Via Sérgio Braga, no Centro

Câmeras de segurança da Prefeitura de Volta Redonda auxiliaram na prisão de um foragido da Justiça nesta quinta-feira (25). Contra o homem, havia um mandado de prisão em aberto por embriaguez ao volante. Ele acabou flagrado conduzindo um caminhão e foi detido por guardas municipais, por volta das 6h50, próximo ao acesso à Via Sérgio Braga, no Centro.

As câmeras usadas no monitoramento da cidade, do modelo OCR, permitem o reconhecimento de caracteres, ou seja, possibilitam a identificação de placas de veículos. Os equipamentos integrados ao sistema do Ministério da Justiça registraram a placa, quando o caminhão passava pelo Viaduto Nossa Senhora das Graças, no bairro Aterrado. Em seguida, o Setor de Inteligência da Guarda Municipal acionou agentes que estavam em patrulhamento e fizeram a abordagem ao condutor em frente à Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Gil Portugal.

O homem foi detido e conduzido à delegacia da Polícia Civil de Volta Redonda (93º DP).

O comandante da Guarda Municipal, João Batista dos Reis, falou sobre como as câmeras auxiliam no trabalho da corporação.

“A integração entre as forças de segurança aliada à tecnologia, sem dúvidas farão o melhor para Volta Redonda. Nos dá mais agilidade no atendimento às ocorrências. Hoje temos uma Guarda Municipal presente e atuante, sempre pronta para servir à população”, afirmou Batista.

'VR Mais Segura'
Essas câmeras fazem parte do projeto 'VR Mais Segura', que prevê investimento de R$ 4 milhões para implantação e ampliação no número de câmeras em Volta Redonda. Os equipamentos possuem alta definição e serão integrados ao Ciosp (Centro Integrado de Operações de Segurança Pública), monitorando a cidade 24h por dia. Ao todo, serão 400 câmeras fixas, 140 do tipo Dome (equipamentos móveis) e 105 do modelo OCR.

Além da ampliação na quantidade de câmeras, o projeto contempla a reativação das cabines da Polícia Militar (PM) na cidade, em parceria com a corporação.

Foto: Divulgação/Secom PMVR