Convênios permitirão concessão de estágios no governo municipal e cooperação técnica por parte da universidade

A Prefeitura de Volta Redonda, através da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo (SMDET), firmou nesta quarta-feira (24) uma parceria com a UFF (Universidade Federal Fluminense) com foco no desenvolvimento local. Os convênios permitirão a concessão de estágios a estudantes no governo municipal e a cooperação técnico-científica por parte da universidade. A assinatura dos documentos aconteceu no gabinete do prefeito Antonio Francisco Neto e contou com a presença dos secretários de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Sérgio Sodré, e de Planejamento, Transparência e Modernização da Gestão (Seplag), Cora Peixoto, entre outros. Participaram também o reitor da UFF, Antonio Cláudio Lucas da Nóbrega, e os diretores Júlio César Andrade de Abreu, Carlos Eduardo Fellows e Nadja Avila.

O reitor da universidade destacou que esta é a primeira visita formal à prefeitura de Volta Redonda para “reinaugurar a relação, em um patamar muito mais dinâmico”, como preferiu definir.

“O que nós fizemos hoje foi assinar um acordo de cooperação técnica ampla e um convênio de estágios. Os serviços da prefeitura são experiências muito ricas para formar profissionais. Então teremos a chamada aprendizagem prática, quando o município oferece esta oportunidade e ao mesmo tempo os alunos contribuem para dinamizar o serviço”, disse Nóbrega, enfatizando que esta parceria vai se desdobrar.

“Trouxemos a lista dos programas de pós-graduação que a UFF oferece para qualificação dos técnicos da prefeitura; viemos tratar também do restaurante universitário, o ‘bandejão’, no bairro Aterrado. O prefeito imediatamente se colocou à disposição para conseguir uma solução. Inclusive, temos um projeto de construção de uma quadra poliesportiva no Aterrado. Já tem terreno, verba e vai dar ordem de início na semana que vem. São investimentos da universidade no município que movimentam, geram emprego e renda. É uma cooperação ganha-ganha, onde é interessante para a prefeitura e também para a UFF”, resumiu Nóbrega, informando que o recurso para a realização da obra do restaurante já foi garantido através de verba parlamentar de R$ 10 milhões.

O prefeito Neto disse que são parcerias como a com a UFF que transformarão Volta Redonda novamente em uma referência. “Parcerias como essa são fundamentais para a reconstrução da cidade com qualidade. Isso só nos dá a certeza que temos muito a construir para a nossa população”, afirmou.

Outros benefícios
De acordo com Sodré, o polo metalmecânico será um dos grandes beneficiados deste termo de cooperação, inclusive a SMDET já estabeleceu contato com o presidente do Metalsul (Sindicato que representa as indústrias metalúrgicas, mecânicas, automotivas, de informática e de material eletro-eletrônico do Médio Paraíba e Sul Fluminense), Jairo Rodrigues Junior. O objetivo é que a UFF ofereça sua estrutura de laboratórios para pesquisa e desenvolvimento de projetos conforme a demanda do setor.

“A UFF tem uma estrutura de laboratórios de pesquisa que é invejável. Outros profissionais também poderão se beneficiar com isto, como os das áreas de Direito, Contabilidade e Administração. Nossa área de inovação vai ganhar muito com isso, porque vamos colocar a universidade dentro do ecossistema, que é fundamental para o seu desenvolvimento. A expectativa é decolarmos nos aspectos econômicos e na geração do capital de intelectual e de inovação, que é uma orientação do nosso prefeito”, afirmou Sodré.

Foto: Divulgação/Secom PMVR