Com a conclusão das trocas de lâmpadas, a economia mensal aos cofres do município deve chegar a R$ 800 mil

A Prefeitura de Volta Redonda deu início à segunda etapa do projeto de eficiência energética, com a implantação de luzes de LED nas vias e espaços públicos da cidade. O serviço consiste na substituição das lâmpadas de vapor de sódio e metálicas (amarelas), gerando economia de R$ 124.882,33 por mês aos cofres públicos. Além disso, por conta da maior luminosidade, a nova iluminação garante aumento da sensação de segurança.

Nesta fase inicial da etapa complementar do projeto serão mais de 500 luminárias instaladas. Um investimento de cerca de R$ 450 mil, com recursos municipais.

As primeiras vias a receberem o benefício desta segunda etapa são: Ruas 14 (Praça da Biblioteca Municipal), 27 e 31, próximas ao Jardim dos Inocentes e Praça do Memorial Zumbi, na Vila Santa Cecília; Rua 60, no bairro Sessenta; Ruas 209 e 207, além de acessos à Via Sérgio Braga, no São Lucas; Ruas 4, 4A e 4B, no Conforto; Avenida Getúlio Vargas, no Centro; alguns pontos da Avenida 7 de Setembro e Viaduto Heitor Leite Franco, além da Praça Sávio Gama, no Aterrado; e Avenida Argentina, na Vila Americana.

As melhorias avançarão para o interior dos bairros. Com a conclusão das trocas de lâmpadas, a economia mensal deve chegar a R$ 800 mil. A redução dos custos está atrelada à tecnologia da luz de LED, que possibilita menor necessidade de manutenção; elas possuem maior durabilidade. Uma lâmpada de vapor de sódio de 250W, por exemplo, tem vida útil de 32 mil horas e demanda um reator que dura 20 mil horas em média. Já uma luminária de LED com 180W dura 50 mil horas, por exemplo, e dispensa o uso de reatores e ignitores para o seu funcionamento.

“Estamos trabalhando em várias frentes para honrar o compromisso de recuperar Volta Redonda. Com parcerias como a que temos com o Governo do Estado, estamos conseguindo importantes investimentos na infraestrutura. O trabalho não para e, em breve, toda a cidade estará mais iluminada ainda. É importante para a segurança e qualidade de vida da população de Volta Redonda”, ressaltou o prefeito Antonio Francisco Neto.

Luzes de LED
A primeira etapa contemplou as principais vias da Vila Santa Cecília – incluindo o chafariz e a Praça Brasil; a Avenida Amaral Peixoto e transversais, no Centro; nas Avenidas Antônio de Almeida e Sávio Gama, no Retiro; Avenidas Paulo de Frontin, Lucas Evangelista e 7 de Setembro, no Aterrado; e Avenida Almirante Adalberto de Barros Nunes, a Beira-Rio, no trecho entre o bairro Niterói e a entrada do Belmonte. Ao todo, 2.130 lâmpadas foram trocadas.

Foto: Geraldo Gonçalves/Secom PMVR