Percurso de 30 minutos teve como ponto de partida ginásio poliesportivo. Objetivo foi conscientizar homens a fazerem exame de prevenção ao câncer de próstata

A Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Smel) de Volta Redonda promoveu nesta segunda-feira, dia 8, a ‘Caminhada pelo Novembro Azul’. A ação durou aproximadamente 30 minutos e aconteceu no Siderlândia, por iniciativa do Grupo da Melhor Idade que participa das atividades no ginásio poliesportivo do bairro.

O professor de Educação Física Gabriel Tardem, que organizou a atividade junto com a professora Gláucia Porto e a estagiária Anna Júlia Sandine, justificou a importância da caminhada no trabalho de conscientização do “Novembro Azul”. Principalmente, diz ele, para quebrar o preconceito, mudar hábitos e chamar a atenção para prevenção e combate ao câncer de próstata.

“A Caminhada pelo ‘Novembro Azul’ contou com a participação dos alunos da Terceira Idade do ginásio, mas foi aberta para as famílias e demais pessoas que desejassem participar. Cerca de 80 pessoas participaram do evento. Saímos da rua do ginásio e demos voltas pelo bairro. Não é um percurso longo, mas contou alongamentos e músicas dos anos 60, 70 e 80, para maior conectividade com essa geração que precisa se cuidar. Estamos fazendo da educação física um instrumento para conscientizar e ajudar a salvar vidas” enfatizou.

No mês passado, o grupo do ginásio participou do “Outubro Rosa”, campanha que incentiva mulheres a fazerem exames de prevenção ao câncer de mama.

Foto: Cedida pela SMEL