Cidade está prestes a receber investimentos como um grande projeto de mobilidade urbana e revitalização, além da criação de um Polo Metalmecânico

 

Volta Redonda é uma cidade contemporânea, do presente, e no auge de seus 67 anos de história também planeja o futuro. O governo municipal tem investido na infraestrutura para tornar o município cada vez mais moderno, garantindo dias ainda melhores a todos. Entre as ações está um grande projeto de iluminação e asfaltamento que vai atender toda a cidade. Junto a isso, a prefeitura estuda a viabilização de um Polo Metalmecânico, que vai criar um cluster empresarial do setor siderúrgico, gerando mais trabalho e renda no Sul Fluminense.

Dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), do Ministério da Economia, mostram que até maio de 2021 Volta Redonda teve um saldo positivo de 1.892 empregos formais, distribuídos da seguinte forma: Indústria (46%), Serviços (30%), Construção Civil (12%) e Comércio (12%).

Uma grande obra de infraestrutura e revitalização da Rua 33, um dos principais centros de comércio e serviço de todo o Sul Fluminense, deve sair em breve do papel. O local também é um importante Polo Gastronômico da região. Um grande projeto de asfaltamento que vai cobrir toda a cidade também deve começar. O contrato está prestes a ser assinado e assim, a empresa vencedora do processo licitatório, poderá dar início aos trabalhos.

Já em execução está o projeto de revitalização dos centros comerciais a partir de novo sistema de iluminação, com lâmpadas de LED. Mais de duas mil delas estão substituindo as de vapor de sódio e metálica, deixando a cidade mais iluminada. A melhoria alcançará outros bairros em breve.

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Smdet) está envolvida no projeto de expansão do Sider Shopping, na Vila Santa Cecília. A intenção é unir o shopping com o prédio que abriga o Hortifruti, também na Vila Santa Cecília, através de uma passarela sobre a rua. O projeto prevê a construção de um novo prédio no lugar onde fica o Hortifruti.

“A obra terá o mesmo padrão do Sider Shopping, com a diferença de que os andares de estacionamento ficarão no subsolo ao invés de acima das lojas, como é no shopping atualmente”, informou o secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Sérgio Sodré, ressaltando que o empreendimento pode alavancar ainda mais as vagas de emprego no setor do comércio, que já foi destaque nos primeiros meses do ano.

Os investimentos na expansão do shopping ficarão em torno de R$ 100 milhões, e a expectativa é que sejam gerados 200 empregos de construção civil durante a obra e 300, incluindo pessoal do shopping e das lojas, quando a expansão estiver operando.

Também este ano, o Park Sul localizado na Rodovia dos Metalúrgicos, no bairro São Geraldo, recebeu mais uma loja âncora de departamento com abertura de dezenas de empregos. Volta Redonda também recebeu a Magazine Luiza, grande rede de lojas de departamentos. O empreendimento gerou 41 empregos diretos na cidade e a abertura da loja na Amaral Peixoto, no Centro, foi considerada um sucesso. Há a previsão de que pelo menos mais uma loja seja inaugurada na cidade.