Serão oferecidos três cursos profissionalizantes; Aula de pintura imobiliária começou nesta segunda-feira, dia 31



A Fundação Beatriz Gama (FBG) e o Centro de Socioeducação Irmã Asunción de La Gándara Ustara (Degase Volta Redonda) deram início a um projeto de ressocialização na Instituição oferecendo cursos profissionalizantes aos internos. O primeiro curso é o de pintura imobiliária, que começou nesta segunda-feira, dia 31, e terá a duração de quatro meses. Estão inscritos, 15 internos com idades entre 14 e 18 anos. O Degase é uma unidade estadual onde menores infratores cumprem medidas socioeducativas para serem reinseridos na sociedade. Em Volta Redonda, a unidade fica no bairro Roma.

Todo o material e o trabalho do instrutor para o curso de pintura são cedidos pela Prefeitura Municipal de Volta Redonda, através da Fundação Beatriz Gama, segundo explica o diretor da FBG, Vitor Hugo de Oliveira. “Os adolescentes terão aulas teóricas e práticas que acontecerão dentro do Degase. Eles vão aprender todas as técnicas para a pintura de casas, apartamentos e qualquer imóvel. Durante o curso eles vão praticar o que estão aprendendo pintando um dos pavilhões do Degase”, explicou Oliveira.

Objetivo do projeto é a ressocialização dos internos

A seleção dos participantes do curso é feita pela direção do Degase. “Esta é a oportunidade para que estes internos aprendam uma profissão. Vamos ocupar o tempo deles com um curso profissionalizante, pois poderão sair dali e já conseguir um emprego formal ou trabalhar por conta própria. Com o prazo de quatro meses, eles poderão fazer pelo menos dois cursos por ano”, explicou Oliveira, frisando que o objetivo maior é ressocializar estes menores.

“Queremos que, ao deixarem a instituição, eles não pensem em cometer delitos e sim querer dar uma nova direção na vida e encontrar o caminho do bem. Estamos oferecendo esperança para eles, e desejamos que eles aproveitem”, afirmou Vitor Hugo, lembrando que a iniciativa partiu do prefeito Antônio Francisco Neto, apoiado pela direção do Degase, através do Diretor Marlon Machado, e o coordenador regional das Unidades do Degase, Adriano Guedes Custódio.

“O Neto é o maior incentivador dos cursos para estes jovens. Já realizamos estes cursos nos mandatos anteriores do Neto e agora estamos voltamos com este projeto. Foi muito bem aceito e tem tudo para dar certo. Todos que estão ali e quiserem terão a oportunidade de participar”, falou o presidente.

O coordenador das unidades do Degase, Adriano Custódio Guedes, agradece a parceria da prefeitura com a instituição. “Esta parceria é muito gratificante, pois a prefeitura tem este cuidado com os internos. E vem de encontro ao que propomos, que é a socioeducação individualizada agregando a estes menores, a educação, cidadania, esporte e lazer. Isso promove a transformação deles. E com isso, o resultado deste processo de inclusão dos adolescentes é excepcional, principalmente, quando encontramos gestores preocupados em contribuir pela ressocialização. Temos muito agradecer a esta parceria da FBG com o Degase”, disse Custódio.

Mais cursos para os internos e agentes

Os internos do Degase também poderão participar dos cursos de elétrica predial, que começa nesta quarta-feira, dia 2 de junho, curso de padeiro e confeiteiro programado para o mês de junho e aulas de arte marcial de Jiu-Jitsu. Esta modalidade terá técnicas de disciplina e poderão participar internos e agentes do Degase.

 

Foto: Arquivo