Anexo do Hospital do Retiro terá 30 leitos para atendimento a pessoas com Covid-19

O município de Volta Redonda recebeu neste fim de semana, 30 camas hospitalares, 10 monitores cardíacos e cinco respiradores para equipar a rede pública de saúde no tratamento de pacientes com Covid-19. Os equipamentos se somam a dez monitores recebidos na última sexta-feira. Todos serão instalados no anexo do Hospital do Retiro.

“Os cinco respiradores que chegaram foram enviados pelo Ministério da Saúde, com apoio do deputado federal Felicio Laterça e do vereador Temponi. Conseguimos garantir nesse fim de semana, equipamentos para mais 15 novos leitos de UTI em nossa cidade. Tudo ficará de legado para Volta Redonda”, afirmou o prefeito Antonio Francisco Neto.

Outros 10 respiradores doados pela Federação Paulista de Futebol (FPF) ainda vão chegar para reforçar a rede. Com a chegada de todos os equipamentos, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) vai montar um total de 30 leitos de atendimento a pessoas com Covid-19, sendo 18 de UTI (Unidade de Tratamento Intensiva) e 12 de UI (Unidade Intermediária).

Também estão a caminho seis novos cateteres de alto fluxo que foram comprados e se juntam aos quatro que já chegaram. São equipamentos de assistência ventilatória/respiratória que adiam, evitam e reduzem a necessidade de intubação em casos de pacientes com Covid-19.

Foto: Divulgação/PMVR