Dados foram divulgados pela Secretaria Municipal de Saúde nesta terça-feira, dia 06

Volta Redonda ultrapassou a marca de 10 mil pessoas vacinadas com a segunda dose da vacina contra a Covid-19, completando o ciclo de imunização contra a doença. A campanha de vacinação foi iniciada em janeiro deste ano e o balanço foi divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde e informado ao Ministério da Saúde nesta terça-feira, dia 06. O município segue a ordem de vacinação para os grupos prioritários determinada pelo Governo Federal.

O grupo I de prioridades compreende: pessoas em Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPIs) e seus profissionais, pessoas com deficiência em residências inclusivas, idosos acima de 60 anos de idade e profissionais de saúde, sendo também contemplados todos os profissionais acima de 50 anos e para os demais foram oportunidades mais três dias com demanda em todas as Unidades para as categorias determinadas.

A Secretaria Municipal de Saúde ressalta, que dentre os profissionais de saúde, a orientação foi priorizar os da linha de frente de combate à Covid-19, o que foi cumprido, e, a seguir, os demais profissionais com a chegada de novas doses da vacina.

Nesta semana, as segundas doses da vacina CoronaVac estão sendo ofertadas para quem tomou a primeira dose, dessa vacina em específico, no período de 12 a 21 de março. O município inicia nesta quarta e quinta-feira, dias 07 e 08 de abril, a vacinação para idosos de 69 anos.

Sistema drive-thru de vacinação

Para reforçar a campanha de imunização contra a Covid-19 e ampliar a outras faixas etárias, a Prefeitura de Volta Redonda está preparando a Ilha São João para realizar a vacinação no sistema de drive-thru. Entretanto, a vacinação também será mantida nas Unidades de Saúde. Em breve novas informações serão divulgadas.

A Prefeitura informou que a estratégia de vacinação, até então adotada nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) e da Família (UBSF) nos bairros, é para proporcionar, principalmente, a população mais carente e com dificuldade de locomoção. Com o decréscimo da idade de quem está sendo vacinado, novas estratégias serão implantadas.

A vacinação de idosos, incluindo acamados, continua sendo prioridade na campanha contra a Covid-19. Vale destacar que o município tem aproximadamente 273.988 habitantes, de acordo com a estimativa populacional feita pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em julho de 2020. Desses, 35 mil moradores têm mais de 60 anos de idade, o que corresponde 12,8% da população.