Instrumento do Ministério do Turismo serve para melhorar acesso do município a recursos federais

 

O município de Volta Redonda continua se destacando no cenário turístico da região. Após participar do Salão do Turismo no Rio de Janeiro, a cidade subiu de categoria no Mapa da Regionalização do Turismo – 2019/2021. A recategorização é um instrumento do Ministério do Turismo (MTur) que serve para otimizar a distribuição de recursos públicos e orientar a elaboração de políticas específicas para cada categoria do município.

 

A diretora de Turismo da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (SMDET), Débora Cândido, explicou que Volta Redonda subiu da categoria C para a B, nesse processo que ocorre a cada dois anos, organizando os municípios por regiões turísticas.

 

“O que muda é que o Ministério do Turismo passa a enxergar Volta Redonda como um município que tem maior importância turística. Essa categorização é pré-requisito para acesso aos recursos federais”, explicou Débora.

 

Ao todo, são 2.694 cidades e 333 regiões turísticas. Volta Redonda faz parte da região turística do Vale do Café. Os municípios são divididos em categorias que vão de acordo com o desempenho da economia do setor em cada um. São 62 municípios na categoria A, que representa as capitais e aqueles que possuem maior fluxo turístico, estabelecimentos, entre outros fatores. A categoria B tem 257 municípios, a categoria C, 476 municípios, a D, 1.522, e por último somam-se 377 municípios na categoria E.

 

Neste ano, houve uma revisão da metodologia empregada e da coleta de informações atualizadas, sendo introduzida a variável “arrecadação de impostos federais dos meios de hospedagem”. Uma variável importante utilizada para essa categorização é o fluxo dos meios de hospedagem, segundo informou o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Volta Redonda, Joselito Magalhães.

 

“Temos uma ótima rede hoteleira e, somada a outros atrativos que a cidade vem desenvolvendo, faz com que Volta Redonda se destaque no setor turístico e movimente a economia na região”, contou Joselito.

 

O prefeito de Volta Redonda, Samuca Silva, ressaltou que o Governo Municipal vem trabalhando e incentivando ações em prol do turismo da cidade.  

“Lançamos o Turismo em Volta, onde o visitante se hospeda em Volta Redonda, conhece os atrativos da cidade e, a partir daqui, visita outros pontos turísticos da região. Isso gera emprego, movimenta a economia e faz com que Volta Redonda cresça e se destaque cada vez mais no cenário regional e nacional”, afirmou Samuca.

 

Por Raphael Martiniano / SecomVR