Interessados devem se inscrever através do site. Evento será nos próximos dias 22 e 23 de agosto

 

A 13ª Conferência Municipal de Assistência Social de Volta Redonda está com inscrições abertas. Os interessados devem acessar o banner da Conferência na página inicial do site da Prefeitura e preencher a ficha. A conferência será realizada nos dias 22 e 23 de agosto (quinta e sexta-feira), no Auditório do UGB (Centro Universitário Geraldo Di Biase), campus Aterrado.

 

O público alvo do evento é formado por representantes das entidades e organizações cadastradas no Conselho Municipal de Assistência Social, 32 entidades ao todo, além de representantes dos trabalhadores e de usuários da assistência social em Volta Redonda.

 

Com o tema “Assistência Social: Direito do Povo, com Financiamento Público e Participação Social”, a conferência tem como objetivo principal a avaliação da situação atual e avanços do Sistema Único de Assistência Social (SUAS), assim como apresentar propostas e firmar diretrizes visando o aperfeiçoamento do sistema. Para abordar o tema, foi convidado para palestrar o defensor público Federal, Cláudio Santos.  

 

De acordo com a presidente do Conselho Municipal de Assistência Social de Volta Redonda, Thaís de Oliveira Alexandre, os representantes das entidades e organizações de assistência social, das entidades que representam os trabalhadores e os usuários da assistência social, além das representações governamentais, devem se inscrever e indicar seus delegados até 09 de agosto, na sede do Conselho Municipal de Assistência Social, na sede da Smac (Secretaria Municipal de Ação Comunitária), de 8h às 12h, ou através do email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

 

Ela ressalta que a conferência também elege representantes do município para Conferência Estadual, que será realizada no Rio de Janeiro. “Neste encontro, serão escolhidos oito delegados, sendo quatro representantes do governo e quatro das entidades assistenciais”, explicou.

 

O prefeito de Volta Redonda, Samuca Silva, lembra que o município conta com uma rede completa de assistência social que inclui acolhimento das pessoas em situação de rua, através do Centro Pop, Albergue Seu Nadim e Quarto de Passagem; e risco social, com os CRAS; inclusão no Cadastro Único para Programas Sociais – CadÚnico; cadastro de candidatos ao Programa Minha Casa, Minha Vida; Projeto de Inclusão Produtiva e Geração de Renda; Projeto Grupos de Convivência para Idosos; Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família (PAIF); entre outros.

 

“A conferência tem como objetivo fortalecer e aprimorar esses serviços, a partir da opinião das pessoas que trabalham no dia a dia com assistência social e ainda dos usuários do sistema. Com a participação de todos, a troca de experiências, buscamos um serviço de excelência”, falou Samuca.   

 

Por Renata Borges – Secom/VR