Candidatos podem se inscrever até dia 25, através de formulário online

 

Começou nesta quarta-feira, dia 15, as inscrições para o Prêmio Dandara e Zumbi, que é uma condecoração que dará reconhecimento aos negros e negras de Volta Redonda que se destacaram em 2018. Os candidatos podem se inscrever até o dia 25 de maio, através de formulário online na categoria desejada e deverão enviar uma fotografia com um breve release.

 

Trata-se de uma premiação realizada através do Conselho Municipal de Política Cultural de Volta Redonda, por meio de um regulamento e votação popular, com o objetivo de evidenciar o trabalho de artistas, produtores e intelectuais relacionados à cultura Afro-Brasileira. A premiação será realizada em uma cerimônia como comemoração do 29º aniversário do Memorial Zumbi dos Palmares, um evento com parceria da Secretaria Municipal de Cultura.

 

Podem se inscrever homens negros e mulheres negras residentes em Volta Redonda ou com atuação comprovada no município, maiores de 18 anos, com experiência coerente e destaque na categoria pretendida.

 

A secretária de Cultura Aline Ribeiro explicou como vai funcionar o Prêmio Zumbi. “Será realizado com votos populares online e os três candidatos mais votados em cada categoria serão anunciados na página do Conselho e da Secretaria Municipal de Cultura. A revelação dos premiados será realizada no dia 25 de junho, em uma Cerimônia de Premiação no Memorial Zumbi dos Palmares, onde receberão um troféu personalizado”, destacou Aline, acrescentando que a votação será realizada através de outro formulário, que será divulgado na página oficial da Secretaria Municipal de Cultura e na página do Conselho, a partir de 30 de maio.  

 

Serão 10 categorias e cada candidato poderá inscrever-se em apenas uma opção com experiência comprovada e atuação relevante para a premiação. Para cada categoria haverá premiação feminina e masculina, respectivamente prêmio Dandara e Zumbi.

 

As categorias do Prêmio são:

MÚSICA: concorrem nesta categoria músicos, instrumentistas, mc's, bandas. Pessoas que se destacaram musicalmente.

DANÇA: bailarinos(as), bboys/bgirls, coreografias, cia de dança.

ARTES CÊNICAS: Atores, roteiristas, diretores, cia de teatro.

ARTES VISUAIS: Artistas plásticos, pintores, grafiteiros, designers, fotógrafos, filmes, web séries.

EDUCAÇÃO: Educadores, professores, diretores, agentes sociais/culturais com ações ligadas a Lei 10.639.

LITERATURA: Escritores, poetas, autores de livros. 

EMPREENDEDORISMO CRIATIVO: Empreendedores, negócios, projetos de inserção do negro no mercado de trabalho.

HUMANIDADE E CIDADANIA: Agentes sociais e/ou ambientais, políticos, militantes.

COMUNICAÇÃO: Digital influencer, youtuber, jornalistas, radialistas.

CATEGORIA ESPECIAL "PRESERVAÇÃO DA MEMÓRIA ANCESTRAL": Esta categoria não está aberta a inscrições. Será a título de menção honrosa a Mestres de cultura popular, lideranças religiosas e pessoas que contribuíram para a história do movimento negro no município, que serão indicados no dia da Cerimônia.

 

O Prefeito Samuca Silva destaca que o prêmio não contempla apoio financeiro e sua proposta é honrar negros e negras com trabalhos expressivos na cidade. “Através de uma homenagem e troféu personalizado, iremos premiar essas pessoas de destaque no nosso município. A cerimônia será realizada em um evento aberto à população, com programações culturais, mestres de cerimônia. A apuração dos votos será realizada pela Secretaria Municipal de Cultura para garantir a isonomia do processo”, frisou Samuca.

 

A organização se reserva no direito de premiar apenas as categorias com inscrições válidas (dentro do prazo, com experiência coerente à categoria desejada). Após o prazo de inscrições será aberto o período de votação.

 

Por Renan Ferreira - Secom/VR