Serviço já está disponível com informações, orientações e envio de segunda via de boletos aos munícipes, tudo de forma online e em tempo real

 

A prefeitura de Volta Redonda disponibilizou mais uma ferramenta para facilitar a vida da população: um chat para dúvidas e orientações sobre os serviços oferecidos pela Secretaria Municipal de Fazenda. O objetivo é proporcionar ao munícipe um acesso direto aos serviços da SMF sem precisar se deslocar de suas casas, mantendo o isolamento tão importante e necessário nesse momento.

 

De acordo com o secretário de Fazenda, Fabiano Vieira, servidores da pasta, Dívida Ativa e Banco de Fomento (Sala do Empreendedor) irão orientar, tirar dúvidas e até fazer o envio de segunda via de boletos aos munícipes, tudo de forma online através de um chat em tempo real que ficará disponível no link http://www.portalvr.com/chat/.

 

“Ao entrar no portal, o cidadão terá as opções de chat. Será um para a Fazenda, um para Dívida Ativa e outro para a Sala do Empreendedor. Cada um com um profissional capacitado para orientar e ajudar em relação aos serviços”, explicou Fabiano.

 

Na opção Secretaria Municipal de Fazenda, o usuário terá acesso a informações sobre os serviços de IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano), ITBIM (Imposto sobre a Transmissão de Bens Imóveis), ISS (Imposto Sobre Serviços), Nota Fiscal Eletrônica, Alvará, Taxas e Fiscalização de estabelecimentos.

 

Já na área de Dívida Ativa será respondido sobre CND e parcelamentos. Por fim, na Sala do Empreendedor, dúvidas sobre MEI (Micro Empreendedor Individual), formalização de CNPJ, alteração de endereço e atividades de CNPJ, e cadastro de nota fiscal.

 

O prefeito Samuca Silva lembrou que está fazendo o possível para trazer o cotidiano à normalidade. “Estamos fazendo tudo que podemos para proteger a todos e dar uma pouco de normalidade para as pessoas. Já criamos a plataforma Compras VR para ajudar o comércio e o espaço para aulas online da nossa de rede de ensino, que foi um sucesso. Agora estamos abrindo mais essa possibilidade com alguns serviços da SMF”, comentou.

 

 

SecomVR