Por conta do Desfile Cívico-Militar de 7 de Setembro, no Aterrado, haverá duas edições da feira na Vila, neste fim de semana

 

Por ocasião do Desfile-Cívico Militar de 7 de Setembro, em comemoração aos 197 anos de independência do Brasil, tradicionalmente realizado na Avenida Paulo de Frontin, no Aterrado, a Feira Livre, que aos sábados é realizada no bairro, foi transferida para a Vila Santa Cecília. Por conta da mudança, a Vila vai receber duas edições da feira neste fim de semana, dias 7 e 8 de setembro. A medida já foi adotada anteriormente, a última vez em 2013.

 

De acordo com o diretor do Departamento de Atividades Econômicas e Sociais da Secretaria Municipal de Fazenda, Wagner Jardim Chaves, os feirantes foram comunicados por meio de ofício. “Fizemos uma panfletagem informativa nos dias 24 e 25 de agosto, explicando a necessidade da mudança. A maioria dos comerciantes da feira já vivenciou essa experiência anteriormente”, falou.

 

Tarcísio Lopes, que comercializa roupas femininas há quase 35 anos na Feira Livre de Volta Redonda, acredita que a mudança não vai interferir nas vendas. “Essa mudança já aconteceu em outros anos que o 7 de Setembro caiu no sábado. A feira da Vila também é muito tradicional, tem público garantido”, disse. Diferentemente de Tarcísio, o vendedor de frutas Ramon Bruno está apenas a três anos na feira. “Para mim é novidade. Mas tenho expectativas positivas”, afirmou.

 

Laudeil Gonçalves do Nascimento, que preside a Associação dos Feirantes há mais de dez mandatos, a mudança é corriqueira e não vai prejudicar as vendas. “A Vila Santa Cecília é um bairro de fácil acesso, que recebe transporte público vindo de toda cidade, e já sedia a tradicional feira de domingo”, explicou, lembrando que a transferência também facilita a segurança, tanto para os feirantes como para o público e participantes do Desfile de 7 de Setembro.

 

O prefeito de Volta Redonda, Samuca Silva, afirmou que seguiu a tradição para evitar mais transtornos aos feirantes. O comércio da Feira Livre sustenta famílias, dá emprego e movimenta a economia. Por isso, merece toda consideração do poder público. “A Vila é um dos principais centros comerciais de Volta Redonda e sempre tem muita circulação de pessoas”, lembrou.

 

ESTRUTURA – O evento pelo Dia 7 de Setembro mobiliza uma estrutura que conta com um posto para atendimento médico com ambulância UTI, na Praça Sávio Gama, e uma base de saúde na Escola Municipal Marlene Mendes, também com ambulância. Três pontos de distribuição de água – o principal na Praça Sávio Gama e dois na Avenida Integração, que vai atender as pessoas que vão desfilar; e banheiros químicos.

 

Além disso, a Prefeitura de Volta Redonda preparou um esquema especial de segurança para o desfile. A Guarda Municipal vai reforçar o efetivo e aumentar o número de viaturas atuando no Aterrado. Cerca de 60 agentes estarão no local do desfile e ruas adjacentes com carros, motos e um guincho.

 

Por Renata Borges com fotos de arquivo – Secom/VR