Esse ano o projeto será desenvolvido nas escolas dos bairros Três Poços, Água Limpa, Padre Josimo e Belmonte

 

A Defesa Civil de Volta Redonda retomou nesta quarta-feira, dia 03, o programa “Defesa Civil nas Escolas”, que tem como objetivo inserir temas práticos e noções de defesa civil, sensibilizando as crianças sobre questões de risco e desastre. A ação vai acontecer em quatro escolas da rede municipal e irá beneficiar doze turmas do 5º ano, num total de 300 alunos.

 

O curso, que contará com jogos, apresentação de vídeos e palestras, tem como objetivo fazer com que os alunos sejam multiplicadores, agentes mirins de Defesa Civil, levando os conhecimentos para sua casa e comunidade. Eles vão aprender ainda noções de cidadania, como não jogar lixo na rua.

 

O projeto, que começou ano passado no Complexo Vila Brasilia, esse ano vai ser realizado nos bairros Três Poços, Água Limpa, Padre Josimo e Belmonte. Segundo o coordenador da Defesa Civil, Leandro Rezende, o projeto visa promover uma mudança de hábitos.

 

“O curso, que será realizado de 15 em 15 dias nas escolas, irá possibilitar que as crianças tenham informações sobre a atuação a Defesa Civil e dos Bombeiros que prestam serviços imediatos à população nos casos de emergências e agem também na prevenção. Queremos que o programa contribua para que as novas gerações fiquem conscientes sobre os riscos. E que eles possam colaborar com a sociedade, todos nós somos Defesa Civil”, disse o coordenador.

 

Para o professor do 5º ano da Escola Municipal Graciema Coura, Edson Prado de Almeida, a iniciativa é excelente. “Eles serão multiplicadores e poderão passar para os familiares e conhecidos todas as informações que aprenderem. Durante as aulas temos alguns conteúdos ligados ao tema como erosão, enchentes, mas dessa forma prática como está sendo abordado é uma novidade para eles”, disse o professor.

 

De acordo com o prefeito Samuca Silva, no ano passado o programa foi realizado nas escolas onde tem mais áreas de incidentes e esse ano foi ampliado para outros bairros. “Nosso objetivo é que as crianças possam conhecer o trabalho desenvolvido pela Defesa Civil e pelos bombeiros e se tornem um agente, ajudando a cidade”, disse o prefeito.

 

Por Fátima Santos com fotos de Geraldo Gonçalves – Secom/VR