STMU restabelece programação de semáforos, no bairro Ponte Alta

Semáforo antigo e estragado atrapalhou o trânsito na Ponte Alta e complicou o fluxo de veículos na região

 

Segundo a secretaria municipal de Transporte e Mobilidade Urbana, o equipamento já existente há anos, era bastante antigo, apresentou defeito, a princípio irreparável.  Foi substituído por um mais moderno que permite uma programação inteligente e adaptada aos horários. Na tarde desta terça-feira, dia 04, a STMU, realizou mudanças nas programações do tempo dos semáforos do bairro Ponte Alta.

 

O objetivo desta ação foi melhorar o fluxo dos veículos no local, uma vez que o trecho é um dos mais movimentados da cidade o que foi prejudicado pelo defeito apresentado. “Estamos estudando os fluxos, colhendo dados, desenvolvendo cálculos e efetuando alguns testes. Concluímos esse resultado e saberemos nos próximos dias, se a programação funcionou como o esperado”, acrescentou o secretário Mauricio Batista.

 

Segundo a STMU, em média dois mil carros passam pelo local, por hora. Assim como em todos os semáforos da cidade, são feitas avaliações constantes para estudar o trânsito e criar alternativas que melhorem a fluidez.

 

De acordo com Mauricio, a situação na região sempre foi complexa e as medidas de atuação precisam ser definidas de acordo com trânsito, o tempo e a quantidade de fluxo de veículos. “De acordo com esse estudo, encontramos um tempo certo que vai aperfeiçoar a demanda e fluir normalmente durante todo o dia. O Prefeito Samuca Silva nos cobrou uma reposta todos os dias e pedimos desculpa a população pelo ocorrido e estamos em busca de recursos no governo federal para modernizar nosso trânsito”, destacou.

 

Por Secom VR, com fotos de Evandro Freitas