Objetivo foi proporcionar novas parcerias de negócios e apresentações de propostas às autoridades governamentais presentes

 

Uma equipe da Prefeitura de Volta Redonda participou nesta quinta-feira, dia 28, da 3ª edição do evento GRI PPPs e Concessões Brasil, que foi realizado no Hotel InterContinental, em São Paulo, e reuniu os principais líderes do setor privado e público (União, Estados e Municípios), responsáveis pela definição da agenda de políticas e futuros projetos de infraestrutura nas cidades brasileiras.

 

Representando Volta Redonda estiveram presentes o presidente do IPPU-VR (Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Volta Redonda), Marcio Lins, o secretário executivo de Projetos Especiais e Convênios, Carlos Rosa, e o subsecretário de Estratégia Governamental, Fernando Rabelo.

 

“A nossa participação no evento tem o objetivo de conhecer os projetos que estão sendo desenvolvidos no País, e identificar as dificuldades e oportunidades de negócios que poderão ser viabilizados por Parcerias Público Privadas (PPPs)”, explicou Fernando Rabelo.

 

O presidente do IPPU-VR, Marcio Lins, contou que Volta Redonda foi a única cidade do estado do Rio a participar do evento. “Nós fomos muito solicitados nas discussões. Vimos que existem muitas de captação de recursos federais, já que o nosso estado ainda está se recuperando da crise. Foi muito bom estar lá e conhecer os tipos de consórcios que alguns municípios estão utilizando”, comentou.

 

Carlos Rosa, secretário executivo de Projetos Especiais e Convênios, completou dizendo que “foi muito importante o contato com os grupos presentes. E que foi mostrado o que cada estado está fazendo para superar a crise”, disse. Lembrando que várias ações que deram certo podem ser aplicadas na cidade.

 

Ao longo de todo o dia, aconteceram debates com autoridades públicas, investidores, concessionários e especialistas sobre temas como os arranjos institucionais possíveis para a viabilização das PPPs, os elementos e características fundamentais para a criação e o financiamento de bons projetos, além da modelagem ideal para minimizar riscos e maximizar as garantias.

 

Realizado em parceria com o Banco Mundial e a Frente Nacional de Prefeitos, o evento também serviu como oportunidade para conexões entre profissionais do setor, novas parcerias de negócios e apresentações de propostas às autoridades governamentais presentes.

 

De acordo com o prefeito Samuca Silva, as parcerias otimizam o serviço prestado à população. “Conhecer as diversas formas de captação é muito importante. Estamos sempre correndo atrás de aumentar os recursos produtivos, tanto financeiros como materiais, e esses investimentos são necessários para o crescimento de Volta Redonda”, disse o prefeito.

 

Por Raphael Martiniano e Ana Maria Mansur / SecomVR