Conselho Comunitário do Furban toma posse 

O evento ocorreu na Câmara Municipal de Volta Redonda

 

Evento realizado na noite desta sexta feira, dia 20, deu posse ao Conselho Comunitário eleito do Fundo Comunitário de Volta Redonda, Furban, no Plenário da Câmara Municipal da cidade. O Fundo realizou, só em 2018, investimentos que somam R$ 2 milhões em 40 obras nos núcleos urbanos informais de Volta Redonda.

 

Pela primeira vez na história do Furban, houve um evento de posse como o que ocorreu nesta sexta-feira. Todos os 9 conselheiros titulares e os 9 suplentes, eleitos nas comunidades divididas em 9 setores, foram diplomados e homenageados.

 

Segundo o diretor geral do Furban, Ronie de Oliveira, os conselheiros são fundamentais para Fundo. “Desde o início o prefeito Samuca Silva, enfatizou a importância do Furban, e os conselheiros que agem como fiscalizadores do Fundo são fundamentais na definição das prioridade das obras para o orçamento de 2019, em 174 núcleos urbanos informais, onde vivem cerca de 30 mil pessoas”, afirmou Ronie.

 

O vice prefeito Maycon Abrantes destacou o diálogo e a valorização do trabalho voluntário dos conselheiros.“O Conselho vai ajudar o Poder Público a levar os serviços necessários, a melhoria da infraestrutura, e contribui para reduzir as áreas de riscos”, comparou Abrantes.

 

O coordenador do Conselho, André Cardoso, que também é presidente da Associação de Moradores do Santa Cruz 2, comentou a atuação do conselho. “O nosso trabalho será definir as prioridades para o Orçamento de 2019, priorizando as obras de emergência, em saneamento, contenção, drenagem, reformas de quadras e praças que forem necessárias. Estamos confiantes no atendimento pelo Furban e pelo prefeito Samuca”, concluiu.

 

O evento contou com a presença dos vereadores Edson Quinto e Luciano Mineirinho.

 

Afonso Gonçalves / fotos de Evandro Freitas - Secom