Obras em andamento favorecem o acesso e a mobilidade dos moradores e serão concluídas em 60 dias

 

O Fundo Comunitário de Volta Redonda (Furban) está realizando diversas melhorias, visando a recuperação de diversas servidões no Morro da Conquista, no bairro Santo Agostinho. São cerca de R$ 150 mil investidos em 14 servidões favorecendo dezenas de famílias que moram no local, segundo informou o diretor do Furban, Ronie de Oliveira Machado.

 

 “Estamos fazendo a manutenção das servidões, melhorando o acesso, recuperando escadões, meio fios, guarda corpo, contenções, melhorando a mobilidade para os moradores. E com recursos próprios, mesmo nesse momento de dificuldades financeira do município. No ano passado, foram investidos cerca de R$ 3 milhões nos núcleos informais, onde vivem cerca de 50 mil pessoas”, enfatiza o diretor.

 

As obras licitadas estão sendo realizadas nas servidões Boa Morada, Amparo, Boa Sorte, Marapin, Bem Te Vi, Boa Vista, Minas Gerais, Unidade, Juriti, Felicidade, Mutirão, Alegria, Castelo, Amizade. Para um dos moradores do Morro da Conquista, o conselheiro comunitário do Setor 1, Eduardo Júlio de Araújo, de 36 anos, que reivindica melhorias para os núcleos de posse e acompanha os serviços na ponta, a chegada desses benefícios públicos, descreve a realidade nas servidões comunitárias.

 

Durante muito tempo, nós ficamos esquecidos aqui. Estou morando no Santo Agostinho desde que nasci e sei do que estou falando. O governo do prefeito Samuca Silva está olhando por nós, e atendendo os nossos pedidos, melhorando pra nós. Não tenho nada o que reclamar dele porque as obras que são prioridades estão sendo realizadas. Os serviços estão sendo bem feitos e estamos fiscalizando e acompanhando de perto no dia a dia”, frisou.   

 

O prefeito Samuca Silva comenta a necessidade de continuar melhorando os investimentos nas comunidades mais carentes. “Garantir a infraestrutura nos núcleos de posse informais é o primeiro pré-requisito para a concessão da Escritura Fácil com a regularização fundiária da posse do terreno a quem realmente precisa. Os nossos recursos são poucos, mas são bem aplicados para as obras que vão garantir a segurança dos moradores. São obras que melhoram a acessibilidade e a mobilidade para as pessoas”, concluiu.

 

No prazo de 60 dias, o Furban também vai entregar a urbanização da Servidão 23 de Maio, no Vale Verde, favorecendo diretamente 20 famílias. O investimento é de R$ 45.377,27. A reivindicação foi feita através do aplicativo FiscalizaVR, ferramenta de comunicação da gestão pública municipal que fortalece a conexão cidadão-governo municipal de forma transparente, direta e eficiente.

 

Serão construídos 100 metros de servidão, com guarda corpo, canaletas, meio fios e depois iluminação pela secretaria municipal de Infraestrutura, beneficiando essas famílias. Hoje existe uma passagem muito precária no local, no meio do mato, que vai dar lugar a uma servidão urbanizada”, comemorou Ronie Machado, diretor geral do Furban.   

 

Por Afonso Gonçalves, fotos de divulgação - SecomVR