Obra de infraestrutura e revitalização está 35% concluída; recinto de imersão começa a ser construído na próxima semana

 

As obras de infraestrutura e revitalização do Zoológico Municipal de Volta Redonda (Zoo-VR), na Vila Santa Cecília, estão 35% concluídas e o local deve ser reaberto ao público na segunda quinzena de dezembro próximo. O novo espaço será mais moderno, aliado com os preceitos dos novos zoológicos pelo mundo, onde os animais têm mais liberdade e os visitantes podem ter um contato mais aproximado com alguns tipos de animais não agressivos.

 

O prefeito de Volta Redonda, Samuca Silva, está animado com a revitalização do zoo. “A obra está a todo vapor. Tenho um carinho enorme pelo lugar e tenho certeza que é um sentimento compartilhado por toda população. O zoológico não recebe uma reforma desse tipo há muitos anos. É um orgulho, mesmo com as dificuldades financeiras, entregar esse espaço de lazer totalmente revitalizado para os visitantes de Volta Redonda e cidades vizinhas”, afirmou.

 

A nova praça de entrada já foi reformada e vai facilitar a localização dos visitantes. Além disso, foram revitalizados o parque infantil e a área de piquenique. Também já estão prontos 17 recintos de animais como o das aves, o das araras e do Emu, que têm um espaço exclusivo; e outros seis recintos estão em fase de finalização da obra.

 

De acordo com a arquiteta e urbanista da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, Cibely Loureiro, que faz a fiscalização da obra do zoo, nesta semana foi iniciada a demolição manual de um espaço que estava vazio e que passará a abrigar o recinto de imersão, próximo ao antigo orquidário. “Na segunda-feira, dia 11, as máquinas entram em ação para o serviço de escavação e também inicia o estudo topográfico do local”, contou.

 

O secretário de Meio Ambiente, Maurício Ruiz, afirmou que o recinto de imersão será uma das novidades para o público. “Serão 25 espécies, entre pássaros, mamíferos, répteis, e outros, uma diversidade boa”, disse.

 

As obras no zoológico iniciaram no final de agosto. Na primeira fase foram realizadas intervenções que não atrapalharam a presença dos visitantes. Para a segunda etapa da reforma, iniciada em 23 de setembro, o zoo ficou fechado parcialmente. Para garantir a segurança dos visitantes e permitir a melhor execução das obras, o local ficou fechado de segunda a quinta, abrindo apenas de sexta a domingo. A partir do último dia 14 de outubro, o zoo foi fechado para as visitações e deve voltar a funcionar na segunda quinzena de dezembro, totalmente reformado. O investimento total da reforma será de mais de R$ 700 mil.

 

Por Renata Borges com fotos de divulgação – Secom/VR