Exposição ‘Mulheres de Força’ vai ficar no espaço até abril

 

O Corredor Cultural, que fica na sede da Secretaria de Políticas para Mulheres, Idosos e Direitos Humanos vai receber até abril a exposição ‘Mulheres de Força’. A mostra conta com trabalhos da artista plástica Dirlene Tavares, e traz obras abstratas e cheia de cores que ilustram o cotidiano. Recebe também da artista plástica Bernadete Faria, responsável pelo Projeto OctoVR, formado por mulheres que confeccionam e doam polvos de crochê, que simulam o ambiente uterino para a recuperação de prematuros internados em UTI neonatal de Volta Redonda.

 

A secretária de Políticas para Mulheres, Idosos e Direitos Humanos, Dayse Penna, destacou que essa é a primeira edição do ano para a pasta da mulher.“O mês de março é dedicado a mulher. Serão realizadas várias atividades e queremos dar a oportunidade de mostrar os talentos da cidade e da região. Queremos aumentar nossa rede de atendimento, a cultura e a arte são fundamentais para a construção de políticas públicas”, afirmou. 

 

Segundo a artista Bernadete Faria, expor seus trabalhos e mais de 30 voluntárias do Projeto OctoVR no Corredor Cultura é muito importante. “O trabalho começou sendo para ajudar os prematuros e depois com um grupo foi formado. E eu vi a necessidade de ajudar as mulheres a divulgar os seus trabalhos. São artesãs competentes e muitas dependem de seus maridos. E com esse trabalho elas podem aumentar a renda. Queria agradecer a oportunidade de divulgar e expor esses trabalhos aqui na secretaria”, contou.

A artista plástica Dirlene Tavares, falou da sua inspiração para pintar e da importância do espaço para os artistas da região. “Sou autodidata. Tudo que está aqui veio do interno e que foi brotando de mim. Veio da forma que sei me expressar, a gente como artista precisa de espaço para divulgar nossos trabalhos. Quero agradecer a oportunidade de poder apresentar aqui minha arte”, disse.

 

O corredor cultural em 2018 realizou seis exposições de artistas do nosso município, gerando 626 visitas à SMIDH. A exposição fica aberta de segunda à sexta-feira, de 8h às 17h, na sede da secretaria, no bairro Nossa Senhora das Graças.

 

O prefeito Samuca Silva, enfatizou que o Corredor Cultural tem grande relevância na divulgação da arte na cidade. “O local recebe exposições que abordam vários temas da pasta e a população é muito importante ocupar o espaço público com arte e cultura. É um espaço de expressão e de cultura artística aberta a todos”,

 

Por Maria Clara Sales, com foto Evandro Freitas - SecomVR