Profissionais renomados de Volta Redonda e do Rio de Janeiro disponibilizaram serviços de beleza durante o dia todo

 

A Secretaria de Políticas para Mulheres, Idosos e Direitos Humanos (SMIDH) de Volta Redonda, em parceria com o Centro de Cidadania LGBT (CCLGBT) Médio Paraíba realizou nessa terça-feira, dia 02, o Dia da Beleza, em comemoração ao mês do Orgulho LGBT. Profissionais renomados de Volta Redonda e do Rio de Janeiro disponibilizaram, durante o dia todo,  serviços de beleza como corte de cabelos, maquiagem e designer de sobrancelha.

 

No último dia 25 a SMIDH, junto com parceiros, a secretaria realizou também o Seminário LGBTIQ+: A Revolta de Stonewall e o Dia Mundial do Orgulho LGBT, em lembrança ao Dia do Orgulho LGBTI (celebrado no dia 28 de junho).

 

A secretária de Políticas para Mulheres, Idosos e Direitos Humanos de Volta Redonda, Dayse Penna, explicou que essa é mais uma ação em comemoração ao mês do Orgulho LGBT.

 

“Nossa intenção é mostrar que a gente pode fazer dentro do nosso ambiente institucional, atividades de empreendedorismo. Nesse caso é fortalecer o Dia da Beleza fazendo com que as pessoas não só participem, mas que também percebam os profissionais que estão atuando. Hoje estamos fazendo essa atividade com a nossa pasta LGBT, com profissionais talentosíssimos no nosso município”, disse a secretária.

 

Para o cabeleireiro e professor na área capilar, Diego Pacheco, é muito gratificante participar de atividades como essa. “É muito importante essas ações de cunho social e acho o máximo participar. Nós, como profissionais, deveríamos pensar mais em servir as pessoas e não apenas vise a parte financeira”, disse Diego.

 

Márcio Cleide Rodrigues, maquiador profissional, explicou que o evento tem como objetivo aumentar a autoestima das pessoas. “Hoje é um dia especial. Um dia para destacar a beleza das pessoas e também um dia de aprendizados para as nossas alunas. É uma ideia que surgiu através de uma parceria entre a secretaria e alguns profissionais da cidade”, disse Márcio.

 

Terezinha da Cunha Gonçalves, 65 anos, aposentada, aproveitou o dia para se cuidar. “Eu faço o curso de oficina da mente aqui e fiquei sabendo do Dia da Beleza e estou aproveitando para cuidar um pouco de mim”, disse Terezinha.

 

Vânia Costa Ferreira, 37 anos, Jardim Tiradentes, disse que ficou sabendo do evento através das redes sociais. “Acho muito interessante a prefeitura disponibilizar um local para a gente se cuidar. Eu gosto muito de mudanças e achei muito legal essa iniciativa”, disse Vânia.

 

A secretária de Políticas para Mulheres, Idosos e Direitos Humanos de Volta Redonda, Dayse Penna, explicou que a temática foi colocada pelo CCLGBT e norteou as ações do seminário.

 

“Para Volta Redonda, é um momento de abertura de diálogo convidar a sociedade civil para construir de forma especifica os serviços que vamos prestar a partir da SMIDH e no próprio centro LGBT. Na construção dessa percepção de como eles estão se sentindo vivendo aqui em Volta Redonda, como a gente consegue fazer diagnósticos, como podemos avançar na pauta, permitindo que as pessoas sejam o que elas querem ser em pleno século XXI”, explicou Dayse.

 

O prefeito Samuca Silva, destacou a importância da criação da Secretaria de Políticas para Mulheres, Idosos e Direitos Humanos “A criação dessa secretaria é um marco para a nossa cidade. É um espaço do poder público para que a população possa dialogar e ajudar a construir políticas públicas que garantam seus direitos”, explicou o prefeito.

 

Por Fátima Santos com fotos de Geraldo Gonçalves / SecomVR