Evento ocorreu no auditório do Saae e contou com 14 municípios que compõem a região do Vale do Café

 

A Prefeitura de Volta Redonda sediou na tarde desta sexta-feira, dia 7, a segunda reunião ordinária do CitVale (Instância de Governança  Regional do Vale do Café), com o objetivo de trabalhar a participação da região no Mapa do Turismo Brasileiro, do Ministério do Turismo. O evento, que aconteceu no auditório do Saae, no bairro Aterrado, reuniu representantes de 14 dos 15 municípios que compõem a região do Vale do Café.

 

Além de Volta Redonda, estavam presentes os municípios de Barra Mansa, Vassouras, Barra do Piraí, Paraíba do Sul, Paracambi, Valença, Piraí, Mendes, Pinheiral, Paulo de Frontim e Mendes.

 

A diretora de Turismo da Prefeitura de Volta Redonda, Débora Cândido, vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico da cidade, disse que o CitVale foi criado com o intuito de desenvolver políticas públicas para o fortalecimento do setor de turismo.

 

“Volta Redonda tem um grande potencial, seja no turismo de negócios, quanto no de eventos. Temos mais de mil e quinhentos leitos na nossa rede hoteleira, o maior estádio do Interior do estado, locais de grande interesse histórico, ótimas opções de gastronomia e tantas outras atividades. Precisamos criar ações conjuntas com outros municípios para fortalecer o setor", explicou. 

 

Uma das ações que estão sendo implementadas é para acelerar a documentação dos municípios para inseri-los no Mapa Nacional do Turismo. "Temos um potencial incrível e estávamos buscando nos organizar. Agora temos ações específicas e voltadas para fortalecer as políticas públicas do setor com a criação do CitVale", disse Bella Santos, presidente do CitVale e gerente de Turismo de Barra Mansa.

 

Bella acrescentou que muitos municípios estão regularizando seus Conselhos Municipais de Turismo e os Fundos Municipais de Turismo, responsáveis pela administração dos recursos oriundos para o desenvolvimento do setor. Os municípios estão inserindo documentos no Sisprot para que estejam aptos a receber recursos de convênios, emendas e recursos da União.

 

Para o prefeito Samuca Silva alavancar as ações em prol do turismo na cidade e, consequentemente, na Região Sul Fluminense é muito importante.

“Volta Redonda tem a tradição do turismo de negócios e os visitantes podem, além disso, ficar na cidade, aproveitar nossos atrativos e os de outros municípios vizinhos, retornando para nossa cidade. Volta Redonda tem uma localização que permite essa integração. E isso vai trazer resultados positivos também na economia da cidade”, finalizou Samuca Silva.

 

Por Renan Ferreira com fotos de Divulgação - Secom/VR