Doses foram destinadas a adultos com idade entre 55 e 59 anos e professores das redes pública e privada de ensino

 

Adultos com idade entre 55 e 59 anos e professores das redes pública e privada de ensino foram vacinados contra o vírus Influenza (H1n1) nesta terça-feira, dia 16, em Volta Redonda. A ação aconteceu em sistema de drive thru, na Ilha São João. Nessa etapa foram imunizadas 5 mil pessoas.

 

De acordo com a enfermeira Thais Pacheco, gerente da Unidade Básica de Saúde da Família (UBSF) do bairro Santa Rita do Zarur, que estava na linha de frente da vacinação na Ilha São João, a aplicação das doses aconteceu das 8h às 17h. “Durante o dia todo o fluxo de carros foi tranquilo e a vacinação aconteceu de forma rápida, evitando que as pessoas ficassem muito tempo na fila. Esse é o objetivo desse sistema de vacinação: evitar aglomeração”, disse a enfermeira.

 

Professora da rede pública de Ensino, Vanuse de Andrade não perdeu a chance. “Achei essa iniciativa maravilhosa. Além de ter sido vacinada rapidamente, a equipe foi muito atenciosa. Agora estou me sentindo mais tranquila, ainda mais que está chegando o inverno, onde aumenta a chance de doenças respiratórias”, comentou a professora.

 

O prefeito Samuca Silva ressaltou que uma nova estratégia de vacinação será realizada na cidade. “Vamos programar uma nova vacinação para as pessoas que têm doenças crônicas e idosos acima de 60 anos. Nosso objetivo é imunizar o maior número de pessoas possível na cidade”, afirmou o prefeito.

 

Apesar de não imunizar contra o novo coronavírus, a vacina contra a gripe aumenta a imunidade do grupo de risco e reduz a circulação do vírus Influenza. A vacinação também vai ajudar a diferenciar a gripe e a Covid-19 e, em casos da doença, impede uma sobrecarga do sistema respiratório, que agravaria os sintomas em um eventual ataque do novo coronavírus.

 

Por Secom VR com fotos Evandro Freitas