Sessenta e três enfermeiros e cinco cuidadores de idosos conheceram seus locais de trabalho

 

A Secretaria de Saúde de Volta Redonda (SMS) recebeu, nesta segunda-feira, dia 02, 68 novos funcionários que vão atuar na rede de Urgência e Emergência, substituindo os RPAs. Eles foram aprovados no Concurso Público 002/2019 e convocados pela Secretaria de Administração de Volta Redonda (SMA). O grupo tem 63 enfermeiros e cinco cuidadores de idosos, que vão atuar nas unidades dos bairros onde moram. Ao longo da semana, outros profissionais aprovados no concurso público também serão chamados.

 

O prefeito Samuca Silva destacou que, desde o início da sua gestão, a administração municipal vem convocando profissionais que prestaram concursos públicos e participaram de processos seletivos. “Estamos mudando a saúde de Volta Redonda. Além de investir para que o atendimento seja de excelência, estamos valorizando os nossos profissionais, resolvendo a questão do RPA, que existe há 20 anos, garantindo assim todos os direitos trabalhistas para esses novos profissionais”, disse o prefeito.

 

A cuidadora de idosos Fabíola Vasconcelos está animada com o início do trabalho. “Não trabalhava nessa área, mas estou muito animada. Vamos lidar com pessoas o tempo todo, então precisamos gostar desse tipo de serviço. Quero executar minhas atividades da melhor forma possível, contribuindo, assim, de forma significativa para a vida dos pacientes”, disse Fabíola.

 

A enfermeira Betine Moreira também foi empossada. “Eu era RPA, fiz o concurso e passei. Estou me sentido leve, tranquila, porque agora tenho um vínculo de trabalho com a prefeitura e os meus direitos garantidos por concurso. Estou muito feliz”, comemorou a enfermeira. 

 

O secretário de Saúde de Volta Redonda, Alfredo Peixoto, afirmou que os novos profissionais irão suprir as carências em alguns setores e garantir melhoria no atendimento à população. “Esses profissionais chegam para nos ajudar a disponibilizar para a população um serviço de qualidade e com mais rapidez. Precisamos de pessoas comprometidas com o seu trabalho e que entendam que oferecemos um serviço humanizado para a população”, disse o secretário.

 

Por Fátima Santos com fotos de Gabriel Borges - Secom VR