Grupo criado pela prefeitura para fiscalizar cumprimento dos decretos durante a pandemia percorreu 16 bairros entre sexta-feira e domingo

 

Em um momento de flexibilização das medidas restritivas e retomada gradual de atividades econômicas durante a pandemia de Covid-19, a Prefeitura de Volta Redonda tem intensificado as ações da força-tarefa, criada para fiscalizar o cumprimento das normas determinadas por decreto. No último fim de semana, a força-tarefa fiscalizou 46 denúncias recebidas pelo telefone 156, além de atuar em rondas por toda a cidade, com foco nos bairros com mais denúncias e que apresentam um histórico de descumprimento dos decretos.

 

O grupo formado pela Guarda Municipal, secretarias de Fazenda e de Segurança Pública, Vigilância Sanitária, além das polícias Militar e Civil e Ministério Público, age, principalmente, verificando as denúncias encaminhadas pela Central de Atendimento Único (CAU), pelo telefone 156.

 

“O número de casos tem aumentado no interior e precisamos cada vez mais reforçar nossas ações de fiscalização. Estamos conseguindo manter o controle em Volta Redonda, mas precisamos da conscientização da população em cumprir as orientações, evitar aglomerações, usar máscara, lavar as mãos e só sair de casa se for realmente preciso”, afirmou o prefeito Samuca Silva.

 

De sexta-feira (19) a domingo (21), a força-tarefa apreendeu mercadorias com ambulantes ilegais e emitiu duas autuações por descumprimento do decreto que proíbe aglomerações. Todos os estabelecimentos denunciados foram fiscalizados e orientados. Os que persistiram no descumprimento, foram autuados. Também foi feita dispersão de multidão em evento clandestino no campo de futebol do bairro Siderlândia, e campanha de orientação e fiscalização do uso de máscaras pela população.

 

Nestes três dias, as equipes percorreram os bairros Água Limpa, Aterrado, Conforto, Jardim Belvedere, Jardim Vila Rica, Retiro, Santo Agostinho, São Geraldo, São João, São Luiz, Siderlândia, Três Poços, Vila Mury, Vila Santa Cecília, Voldac, Volta Grande.

 

Durante a semana, os agentes públicos atuam na parte da tarde, e na sextas, sábados, domingos e feriados incluem ações noturnas com foco em bares, restaurantes e locais públicos que podem gerar aglomeração de pessoas.

 

A equipe observa horário de abertura e fechamento de acordo com o ramo do estabelecimento; a marcação de distanciamento na fila, dentro e no lado externo; uso de máscara por funcionários e clientes; controle de quantidade de clientes permitida no interior do estabelecimento; além da disponibilização de álcool gel ou outro meio dos clientes higienizarem as mãos.

 

Secom VR – Fotos de divulgação