O equipamento está montado na praça Sávio Gama, na prefeitura

 

A população de Volta Redonda vai contar com mais uma ferramenta de transparência: o Painel da Transparência, que  será inaugurado oficialmente na próxima semana. A ferramenta já está em teste desde outubro de 2018. Além de mostrar as atividades e prestar contas de todas as ações da prefeitura, o painel vai mostrar também a quantidade de arrecadação do município através de um 'impostômetro'.

 

O prefeito Samuca Silva, destacou que o painel é uma das ferramentas em que o cidadão pode acompanhar também o plano de governo. “Além de mostrar toda a arrecadação do município e todas as ações realizadas com números e gráficos, que são fáceis de compreender, o cidadão vai poder acompanhar o plano de governo e as metas que já foram alcançadas”, contou. 

 

Através do Painel da Transparência a população ainda vai poder se informar sobre onde procurar os serviços oferecidos pela administração municipal. “Tudo será muito bem detalhado no Painel da Transparência. O cidadão terá todos os indicativos e dados de onde e como os serviços de educação, saúde, vagas de emprego do Na Hora, entre outros, podem ser acionados”, contou o prefeito Samuca Silva.

O secretário de Planejamento Transparência e Modernização da Gestão, Enock Azevedo, enfatizou que Volta Redonda se destaca na parte inovação e transparência. “O painel é mais um instrumento de transparência da prefeitura, que atinge um novo público com informações diferentes das usuais. O prefeito deu um passo inovador na forma de divulgar os dados do município, demonstrando que a prefeitura está de portas cada vez mais abertas ao cidadão, respeitando o dinheiro público e mais do que isso divulgando os resultados das políticas públicas geradas por nossos impostos”, contou.

 

Volta Redonda, de acordo com uma recente análise realizada pela Controladoria Geral da União, ficou em segundo lugar do estado, no ranking da Escola Brasil – Avaliação 360º, e entre as 80 cidades do país mais transparentes. Foram avaliados todos os estados, as capitais e os municípios com mais de 50 mil habitantes (com base nas estimativas de 2017, do IBGE). A avaliação contempla não só a transparência passiva, mas também a transparência ativa (publicação de informações na internet).

 

O prefeito destacou que o resultado mostra todo o comprometimento da gestão em melhorar a máquina pública e tornar as finanças mais transparentes. “Investimos em transparência e o resultado foi positivo. Essa avaliação contempla não só a transparência passiva, mas também a transparência ativa (publicação de informações na internet). E o painel é mais uma ferramenta que vai contar para CGU na avaliação e prestação de contas para a população de Volta Redonda”, destacou.

 

Por Maria Clara Sales com foto Geraldo Gonçalves – SecomVR