Samuca Silva faz reunião com Fórum Juventude Sul Fluminense em Ação

Membros do grupo apresentaram proposta para desenvolver atividades com crianças e adolescentes nas escolas de Volta Redonda

 

O prefeito de Volta Redonda, Samuca Silva, recebeu na tarde desta terça-feira, dia 09, no gabinete, representantes do Fórum Juventude Sul Fluminense em Ação. O grupo esteve capitaneado pela vice-presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), Guaraciara Lopes, e apresentou proposta para implantação de atividade para crianças e adolescentes nas escolas do município.

 

Natanni Azevedo de Lima, uma das fundadoras do fórum, explicou que durante III Conferência Livre da Criança e do Adolescente, realizada em abril, em Volta Redonda, os participantes pontuaram temas que gostariam de discutir além do evento. “Alcoolismo na adolescência, suicídio, automutilação, bulling, legalização do aborto e da maconha e outros”, lembrou Natanni.

 

O grupo então resolveu que levar esses temas para serem discutidos nas escolas, pensando em suprir a necessidade apontada pelas crianças e adolescentes na conferência. “Queremos criar discussões entre jovens. Com facilitadores que falem a língua deles e os deixem à vontade para identificar os problemas e dar opiniões sobre os assuntos abordados”, falou Lucas de Almeida Alves dos Santos, que também faz parte do Fórum e é membro eleito do Conselho Municipal da Juventude.

 

O prefeito Samuca Silva afirmou que aprova a iniciativa e lembrou que acredita no jovem como agente de mudanças. “Mas para entrar nas escolas é preciso contar com uma equipe de profissionais técnicos, preparados para acompanhar os estudantes após a identificação de um problema. Penso numa equipe multidisciplinar da saúde, assistência social e outros. Temos que identificar esses profissionais”, falou, alertando também para a necessidade de um mapeamento das escolas, definindo prioridades de acordo com a vulnerabilidade social. 

 

Para isso, ele convidou os secretários municipais de Esporte e Lazer, Maria Paula Tavares; de Cultura, Aline Ribeiro; de Educação, Rita de Cássia Andrade; e o coordenador municipal da Juventude, Luciano Campos. Além deles, o projeto deve envolver as secretarias municipais de Políticas Públicas para Mulher, Idosos e Direitos Humanos; de Saúde; e de Ação Comunitária.

 

APOIO – O prefeito Samuca Silva também se comprometeu a apoiar os jovens do Fórum Juventude Sul Fluminense em Ação que foram convidados a participar – alguns como facilitadores e outros como platéia – do Encontro de Adolescentes das Coalizões Nacionais da América do Sul. O governo municipal vai fornecer o transporte para os 17 membros do grupo para o Rio de Janeiro, em novembro próximo. O encontro vai reunir 18 países da América Latina e Caribe.   

 

Por Renata Borges com fotos de Gabriel Borges