Obra durou 90 dias e investimento foi de R$ 200 mil

 

 

O prefeito de Volta Redonda, Samuca Silva, entregou aos moradores do Núcleo Dom Waldyr, na Rua dos Mineiros, no bairro Belmonte, as obras de rede de água potável e tratamento de esgoto. O evento, realizado neste domingo, dia 15, faz parte do programa Orgulho de Volta. O investimento realizado num prazo de 90 dias pelo Serviço Autônomo de Água e Esgoto(Saae) de Volta Redonda teve um custo de R$ 209.611,68.

 

Durante a visita, Samuca garantiu que após a legalização em cartório da posse do terreno pelos atuais ocupantes, o núcleo receberá novos investimentos de infraestrutura. “Técnicos da prefeitura estarão aqui na próxima semana e vão ajudar na regularização dos terrenos com a posse no cartório. Um projeto de R$ 800 mil de investimentos está pronto para ser realizado depois da regularização judiciária do terreno com o título de posse pelo morador”, frisou.

 

O prefeito destacou que a obra era um compromisso assumido anteriormente com a comunidade. “Realizamos a obra no tempo prometido, criando essa rede de água e de coleta de esgoto de 516 metros cada uma. E vamos avançar mais”, destacou Samuca. O bispo diocesano Dom Luiz Henrique também esteve presente a entrega do investimento e fez uma oração coletiva do Pai Nosso.

 

A representante dos moradores, Flávia Siqueira Lemos Leandro, avaliou o peso dos investimentos realizados. “Água e esgoto é muito importante para cada morador do Núcleo, porque são o básico para a vida dessas famílias. O prefeito nos deixou muito confiantes porque ele fez o que prometeu. Não temos nada a reclamar, somente a agradecer. E acreditamos que ele vai fazer mais pela atenção que nos vem dedicando aos nossos problemas. Com certeza, trará mais melhorias ”, enfatizou.

 

O diretor-presidente do Fundo Comunitário de Volta Redonda (Furban), Ronie Oliveira, confirmou que na próxima segunda-feira, técnicos do órgão estarão visitando o Núcleo Dom Waldir para orientar os moradores no processo legal para o título de posse da terra.

 

 Por Afonso Gonçalves, fotos de Evandro Freitas, Secom