Ordem de serviço foi assinada pelo prefeito Samuca Silva na manhã desta sexta-feira, dia 07; Ação é mais uma conquista do programa ‘Orgulho de Volta’

 

 

A cidade de Volta Redonda vai ganhar o primeiro Mercado de Orgânicos público do Estado do Rio de Janeiro. O prefeito Samuca Silva assinou nesta sexta-feira, dia 07, a ordem de serviço para a construção do novo espaço, localizado na Praça da Chaminé, no bairro Aterrado. Ao todo, R$ 400 mil estão sendo investidos através de verba federal do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Essa foi a segunda entrega do programa ‘Orgulho de Volta’ para o Meio Ambiente em Volta Redonda.

 

“Fui um dos defensores incansáveis desse projeto, valorizando nossa cultura através dessa chaminé que é centenária, símbolo da industrialização da cidade. Fomos atrás do ministro para apoiar e viabilizar esse mercado tão importante para o produtor e a agricultura familiar. Nossa valorização começa a partir do momento em que 30% da alimentação da merenda escolar vem da agricultura familiar e orgânica”, explicou o prefeito Samuca Silva.

 

Segundo Daniel Custódio, representante da agricultura familiar e de orgânicos, esse mercado é de grande importância para os agricultores. “Hoje estamos ingerindo veneno e investir no orgânico vai contra essa cultura de consumo que vem comprometendo nossa saúde com o passar dos anos. Quero agradecer ao prefeito por essa iniciativa, que é importante para os agricultores, mas, principalmente, para a saúde da população”, disse.

 

O secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rogério Loureiro, enfatizou: “A cidade já possui um calendário de ações para produtos orgânicos e a criação deste espaço específico vai colaborar ainda mais, difundindo a importância da alimentação saudável e oferecendo um espaço adequado para os produtores”, falou.

 

Também na manhã desta sexta-feira, através do programa ‘Orgulho de Volta’, foi lançado o Programa de Arborização Urbana, em parceria com a CSN, na Praça Fernando Gomes de Oliveira, no bairro Volta grande. O local recebeu mudas de cássia rosa, aroeira, ipê branco e amarelo. Mais de oito mil mudas serão plantadas nos bairros Santo Agostinho, Aterrado, além da Rodovia dos Metalúrgicos, de mais de 50 espécies nativas da Mata Atlântica.

 

O secretário de Meio Ambiente, Maurício Ruiz, destacou a importância de se investir em alimentos orgânicos. “Nós podemos mudar a realidade do planeta, mudando a forma em que consumimos. O futuro é investir neste segmento e ações sustentáveis que visem melhorar e diminuir os impactos ambientais. Hoje começamos mais uma importante etapa no Plano de Arborização da cidade e, agora, estamos investindo também no consumo consciente com esse espaço”, finalizou.

 

Secom VR com fotos Gabriel Borges e Felipe Carvalho