Partidas aconteceram nesta quarta-feira, dia 11, no bairro Santo Agostinho

 

Mais uma modalidade esportiva dos Jogos Estudantis de Volta Redonda (JEVRE), aconteceu nesta quarta-feira, dia 11. A competição de badminton reuniu mais de 100 atletas de 15 escolas municipais, públicas e privadas, para disputarem uma vaga no pódio. As competições foram realizadas no Ginásio do bairro Santo Agostinho.

 

A professora responsável pelo Ginásio, Carla Andrea Alvarenga, comentou a expectativa das crianças para os jogos. “Eu acho que o JEVRE é um dos eventos mais importantes para as crianças aqui na cidade. Elas praticam o ano inteiro e essa a oportunidade de mostrarem seu potencial”.

 

Bruno da Cruz tem 15 anos e conheceu a modalidade no projeto da Escola Municipal Amazonas. “Eu gosto muito desse esporte eu não conhecia antes do projeto começar na minha escola. Hoje em dia é um dos esportes que eu mais gosto. O badminton ajudou muito a minha concentração”, contou Bruno.

 

A secretária de Esporte e Lazer, Maria Paula Tavares, contou que o badminton é uma modalidade que tem uma identidade com a cidade. “A gente está ampliando, ainda mais, as atividades no Ginásio do Santo Agostinho. Iniciamos as aulas de badminton em agosto e já estamos com muitos alunos. É uma modalidade que está crescendo em todo país”, disse a secretária.

 

Para o prefeito Samuca Silva, o JEVRE é uma oportunidade dos alunos mostrarem seus talentos esportivos, além de promover a integração entre as unidades de ensino. “Os Jogos Estudantis de Volta Redonda são um sucesso maior a cada ano. Os alunos esperam e se preparam para o JEVRE. E o que nos orgulha é que a cada ano o JEVRE está maior e melhor”.

 

No JEVRE 2019, estudantes da rede municipal, estadual e privada, com idade de entre 7 a 18 anos, vão disputar de 22 modalidades, sendo 13 olímpicas. O objetivo dos jogos é proporcionar o intercâmbio entre os estudantes e professores, além de fomentar a prática esportiva.

 

Serão disputadas as seguintes modalidades esportivas: atletismo, corrida de 1500m, badminton, basquete, futebol society, futsal, handebol, judô, natação, tênis de mesa, voleibol, vôlei de areia e xadrez, além das atividades recreativas de cabo de guerra, câmbio, jiu-jitsu e queimada.

 

Por Ana Maria Mansur, com fotos de Gabriel Borges