Além de atender aos leitores da cidade, espaço acolhe também escolas que vão visitar e conhecer mais o hábito da leitura

 

A Biblioteca Municipal de Volta Redonda, Raul de Leoni, é um espaço literário muito visitado por leitores da cidade e da região. O local conta com mais de 14 mil títulos e recebe mais de 1.800 pessoas por mês. Além dos leitores e estudantes, a biblioteca também recebe visita de escolas, que podem aproveitar o espaço dedicado às crianças e a contação de histórias “Tour Cultural”.

 

Para Tatiane Martins, que vai ao local todos os dias há anos no seu horário de almoço, a biblioteca é muito importante para a valorização da educação. "Não tenho muito tempo para estudar, então venho todos os dias à biblioteca. Esse espaço é muito importante para o desenvolvimento cultura e para a educação. Sempre gostei de estudar, e agora estou me dedicando a passar em um concurso público na área administrativa. Já tenho uma formação e uso todos os recursos públicos que são oferecidos e este espaço é um deles”, contou.

 

O acervo da biblioteca fica disponível também de forma on-line. O espaço conta com uma exposição permanente sobre a história de Getúlio Vargas. Além de incentivar escritores regionais que podem usar o local para lançar livros. Segundo a secretária de Cultura, Aline Ribeiro, mais de 54 mil pessoas visitaram o espaço.

 

“A Biblioteca Municipal tem se mostrado um dos equipamentos de fomento e conhecimento cultural mais desenvolvido e movimentado da região sul fluminense, o que é um grande orgulho pra nós. Somos uma grande base de estudos pra cerca dos 1800 frequentadores mensais que passam pelo nosso espaço e procuram nosso acervo em busca de conhecimento e auxilio em suas pesquisas. Em 2018 foram cerca de 54.000 visitas”, contou.

 

O prefeito Samuca Silva, destacou que a biblioteca é um espaço coletivo e que todos podem frequentar. “Muitos estudantes e pessoas apaixonadas pela leitura frequentam o local. Além de todo o acervo disponível, a biblioteca é um ótimo espaço cultural, onde a SMC realiza atividades. O prédio é também uma ótima opção de visitação por ter uma arquitetura diferente”, contou.

 

A secretária de Cultura, Aline Ribeiro, enfatizou os projetos para 2019 que serão realizados na biblioteca. “Para o ano de 2019 pretendemos ampliar ainda mais nossa gama de atividades. Já de início teremos todos os meses uma Feira de Troca de Livros, onde os leitores poderão se encontrar e trocar seus livros por outros títulos que sejam de seu interesse. Neste primeiro mês, em comemoração ao Dia Nacional das Histórias em Quadrinhos, o evento terá como foco a troca de revistas e livros em quadrinhos”, falou.

 

No próximo dia 30, o local vai receber a 1ª Feira de troca de livros, das 9h às 17h. As escolas que se interessarem em visitar a biblioteca devem entrar em contato através do telefone: 33508587.

 

 

Por Maria Clara Sales com foto Evandro Freitas – SecomVR