Espaço tem como objetivo a inclusão de alunos com necessidades educacionais especiais na rede municipal

 

A Prefeitura de Volta Redonda entregou nesta quinta-feira, dia 13, o Centro Municipal de Atendimento Educacional Especializado Almir de Carvalho Andrade, no bairro Vila Brasília. O espaço, onde funcionava a Escola Estadual Minas Gerais, foi reformado com o objetivo de promover a inclusão de alunos com necessidades educacionais especiais na rede municipal.

 

A secretária municipal de Educação, Rita Andrade, contou que esse é um projeto pioneiro. “É um sonho antigo que eu tenho. Enquanto diretora, eu sempre fui de buscar a criança especial e trazer para dentro da escola, o que é de direito dela. Então, o que estamos realizando aqui é o sonho de fazer com que essa criança seja cada vez mais incluída”, disse a secretária.

 

Para a inauguração dessa unidade, foi realizada uma revitalização na escola, com pintura interna e externa, recuperação do piso do pátio e manutenção das calhas e telhado que apresentavam infiltração. Além disso, as salas foram preparadas pedagogicamente para atendimento dos alunos que irão frequentar o Centro Municipal de Atendimento Educacional Especializado.

 

O prefeito Samuca Silva frisou a importância dessa entrega. “Prédio público não deve ficar parado. Fizemos assim no Colégio Maranhão, com a UniPop; no Colégio Acre, com a Escola de Governo; e agora aqui. São escolas estaduais municipalizadas que agora servem com outros propósitos para a população”, comentou o prefeito.

 

O Centro vai atender alunos da educação infantil em um processo estruturado, desde a estimulação precoce, com os alunos de zero a três anos, até as crianças de cinco e seis anos. As atividades acontecerão no contraturno das aulas.

 

A rede municipal conta com quase mil alunos da Educação Especial que serão os grandes beneficiados por esse lindo projeto. No total foram investidos cerca de R$ 20 mil para a revitalização da unidade escolar, através de recursos próprios e da Secretaria Municipal de Educação.

 

Secom VR, com fotos de Gabriel Borges