Prefeitura vai entregar cerca de 23 mil kits alimentação

 

Depois de distribuir quase 23 mil kits de alimentação aos alunos da rede municipal, a prefeitura de Volta Redonda, através da Secretaria de Educação (SME), iniciou nesta semana a segunda etapa das entregas das cestas básicas às famílias, cujos estudantes realizavam refeições nas unidades escolares. Serão entregues novamente quase 23 mil cestas. O objetivo é proporcionar uma alimentação saudável e nutritiva para os alunos enquanto as aulas estão suspensas.

 

O prefeito Samuca Silva lembrou que a rede pública municipal atende 39 mil alunos e que, por enquanto, não há previsão para o retorno. “As atividades seguem sendo realizadas pelo aplicativo e, por isso, a distribuição das cestas é tão importante. Por enquanto, vamos nos adaptando a esse novo formato e beneficiando os alunos que precisam”, contou.

 

A distribuição de cestas básicas ao aluno da rede municipal faz parte do projeto ‘Cidade Solidária’, que visa diminuir o impacto das restrições sociais por conta do combate ao novo coronavírus. Cada unidade escolar organizou, de forma gradativa, a retirada dos kits, visando evitar aglomeração de pessoas.

 

“Essa ação impacta diretamente na vida do aluno e de seus familiares. Os responsáveis pelas unidades realizaram um levantamento dos alunos que se alimentavam na escola e, através destes dados, estamos realizando as entregas. Essa é a segunda etapa, com mais de 22 mil kits serão entregues”, declarou a secretária de Educação, Rita Andrade.

 

O prefeito destacou também que as equipes da SME e da Fundação Educacional de Volta Redonda (FEVRE) estão acompanhando de perto esse processo. “Queria parabenizar as equipes pelo trabalho e organização na distribuição das cestas. Com as aulas suspensas devido ao combate ao coronavirus, a educação vem se reinventando para que os impactos sejam mínimos aos alunos”, destacou Samuca.

 

Secom VR com fotos arquivo