Avaliação foi realizada para o concurso público da Educação de 2019; resultado será divulgado no dia 20 de fevereiro

 

Os 33 candidatos a interprete de libras, que participaram do concurso público para a Secretaria Municipal de Educação (SME) da Prefeitura de Volta Redonda em 2019, passaram por uma prova prática no último domingo, dia 09. A avaliação aconteceu no Colégio Delce Horta, no bairro Aterrado, onde os candidatos traduziram um texto de português para libras. A aplicação da prova prática para interpretes de libras começou no último ano e tem por objetivo reconhecer a aptidão dos candidatos na linguagem de forma prática.  O resultado final dessa etapa será divulgado no dia 20 de fevereiro.

 

“Realizamos um concurso com dez vagas destinadas a interprete de libras. Esses profissionais aprovados vão fazer parte do corpo docente da rede municipal de educação. Eles apresentaram para a banca a tradução deste texto, tudo gravado para que não haja nenhuma dúvida sobre a prova. Através desse concurso, vamos promover ainda mais a inclusão”, explicou o prefeito Samuca Silva.

 

O concurso público abriu 606 vagas para Docente I e II, atendendo a demanda de profissionais na educação de Volta Redonda. De acordo com a secretária de Educação, Rita Andrade, a prova foi um nível alto de conhecimento para os candidatos.

 

“É muito importante que o interprete de libras tenha conhecimento teórico e prático sobre a linguagem. A língua de sinais é a primeira linguagem para as pessoas surdas na educação básica e cabe a esse profissional melhorar e estruturar da melhor forma possível, através de ações pedagógicas dentro do contexto educacional”, declarou.

 
Secom com fotos arquivo