Projeto da SME vem realizando atividades com ações educativas junto aos alunos

 

A Prefeitura de Volta Redonda, por meio da Secretaria de Educação, inovou e começou a oferecer aulas de robótica para alunos da Educação Infantil do município. A expectativa é atender até o final do ano mais de 800 alunos da rede. O projeto contempla os ensinos Fundamental I, Fundamental II e Educação Infantil.

 

Na última sexta-feira, dia 9, foi realizada a sexta aula do curso de formação de Introdução a Robótica Educativa. O público alvo foi 19 professores implementadores de Informática aplicada à educação. Em 2018, cerca de 20 profissionais participaram da formação, que é realizada pela coordenadora pedagógica da Informática e da Robótica, Ana Paula Batista, e pelo coordenador técnico Sérgio Graça.

 

Segundo Ana Paula, a capacitação dos profissionais é de relevância para a execução do projeto. “E isso ajuda a capacitar melhor nossos alunos de informática, proporcionando a eles novas possibilidade. Os alunos do Projeto de Robótica trabalham em grupos e, juntos, buscam soluções, idealizam e constroem seus protótipos. O aproveitamento do lixo eletrônico e de objetos do dia a dia fazem parte desta construção, despertando nesse aluno a consciência ecológica”, esclareceu.

 

Segundo a secretária de Educação, Rita Andrade, Volta Redonda é uma das pioneiras a implementar a Robótica na Educação Infantil. “Sete unidades escolares do município já estão trabalhando com a robótica nas escolas aos sábados. Elas são multiplicadoras do trabalho e neste ano estamos capacitando novos profissionais para que eles possam atuar nas unidades”, destacou.

 

O Projeto de Robótica Educacional é realizado nas unidades de Volta Redonda e utiliza Software e Hardware livres. Tem como objetivo o de promover o desenvolvimento criativo dos alunos, despertar o interesse e a motivação pelo estudo das ciências e sua aplicação funcional, proporcionando aos alunos através do trabalho em grupo, a colaboração, a criatividade, a vivência de desafios e a resolução de problemas.

 

Para a implementadora de informática Lidiane Jorge, da Escola Municipal José Fontes Torres, que está participando da formação, o olhar muda quando você conhece mais sobre a robótica.

 

“O Sérgio é um ótimo instrutor e facilita o aprendizado. A robótica trabalha com a criatividade e com as ideias. Conseguimos viver a matemática de fato e sei que passando isso para os alunos teremos um ótimo resultado. Você abre um horizonte quando aprende a mexer e a desenvolver. Vamos estimular muitos nossos alunos”, enfatizou.

 

O prefeito Samuca Silva destacou que Volta Redonda vem inovando em relação aos projetos de robótica. “Estamos avançando no processo pedagógico e sabemos da importância educacional da robótica com relação ao descarte correto do lixo eletrônico, visto que muitos desses materiais são reaproveitados, ajudando na prevenção do meio ambiente e na evolução da sociedade”, finalizou.

 

Por Maria Clara Sales com foto Evandro Freitas – SecomVR